Luminária Ticuna

As Luminárias* ** Ticuna são feitas com a fibra de arumã, matéria-prima que vêm da floresta em pé. O espinhoso Arumã é cuidadosamente beneficiado pelas mãos das mulheres Ticuna que se valem de saberes ancestrais e muita habilidade para criar leves e sofisticadas luminárias, peças cheias de luz e força da Floresta.

Os Ticuna (autodenominados Maguta) são o mais numeroso povo indígena na Amazônia brasileira. A riqueza desses saberes e costumes se materializa em suas máscaras, desenhos e pinturas, reconhecidos internacionalmente.

As mulheres Ticuna são as grandes artistas que trabalham com pigmentos naturais para colori o arumã, como a tinta avermelhada do cipó cumatê, que se transforma em preto ou marrom e ganha brilho após secar sob o sol e ser coberta com folhas de bananeira.

A cestaria Ticuna trazem um vasto repertório dos tradicionais grafismos dessa etnia, como: Paiwecü Matü (Aranha d'Água), Tchamoata Tchicu (Escama de Peixe Samoatá), Duri Peatü (Asa de Borboleta), Toõ Peatü (Asa de Gaivota) e Tututchi Matü (Cobra).

Fonte: Instituto Socioambiental / ISA
GRUBER, Jussara Gomes. A arte gráfica Ticuna. In: Lux Vidal (org): Grafismo Indígena. São Paulo: EDUSP, 1992.

Medidas Aproximadas ;Altura 34 cm (Aberta) x Altura 20 cm (Fechada) x Diâmetro 17 cm x Circunferência 98 cm.

  • Luminária pode ser usada aberta e fechada, vem acompanhada de 2 metros de fio pp na cor preto e canopla de alumínio preta.

**Produtos artesanais, podendo haver pequenas diferenças entre a foto e o produto enviado.

R$ 328,00

em até 6x de R$ 54,67

Ou R$ 311,60 à vista no boleto ou pix.

Enviado com sucesso!

Houve um problema ao enviar.

calcule o frete

Não sabe o seu CEP?
PRECIFICAÇÃO TRANSPARENTE
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
Luminária Ticuna
CONHEÇA A ETNIA QUE PRODUZIU ESTE PRODUTO
Ticuna
CONHEÇA A ETNIA QUE PRODUZIU ESTE PRODUTO
Ticuna

Autodenominados Maguta, os Ticuna são o mais numeroso povo indígena na Amazônia brasileira. Com uma história marcada pela entrada violenta de seringueiros, pescadores e madeireiros na região do rio Solimões, foi somente nos anos 1990 que os Ticuna alcançaram o reconhecimento oficial da maioria de suas terras. Hoje enfrentam o desafio de garantir sua sustentabilidade econômica e ambiental, bem como qualificar as relações com a sociedade envolvente mantendo viva sua riquíssima cultura. Não por acaso, as máscaras, desenhos e pinturas desse povo ganharam repercussão internacional.

Fonte:Instituto Socioambiental / ISA

GRUBER, Jussara Gomes. A arte gráfica Ticuna. In: Lux Vidal (org): Grafismo Indígena. São Paulo: EDUSP, 1992.

SUCESSO
FALHA
AUTONOMIA

AUTONOMIA

Promovemos a autonomia das organizações nas tomadas de decisão.

EQUILIBRÍO FINANCEIRO

EQUILIBRÍO FINANCEIRO

Relações equilibradas e simétricas que valorizam os modos de vida das populações tradicionais e indígenas.

ATIVISMO

ATIVISMO

Usamos nossos canais de comunicação para promover e engajar a sociedade à pauta do movimento indígena do Brasil.

MONITORAMENTO DE IMPACTO

MONITORAMENTO IMPACTO

Acompanhamos os impactos gerados com a venda dos artesanatos nas comunidades e em seus territórios.

TRANSPARÊNCIA

TRANSPARÊNCIA

Existência de espaços democráticos de negociação e diálogos entre as partes e transparência no acesso à informação e nas negociações.

PARCERIA

PARCERIA

Construímos parcerias sólidas e duradouras com as Artesãs e suas comunidades.